Tuesday, August 04, 2009

Quando o óbvio nem é tão óbvio assim

Às vezes, aquilo que é óbvio, nem é tão óbvio assim. E acreditar que tudo é óbvio às vezes irrita.
Mas de fato tem dias que não estamos muito bem... e aí já viu... segue-se uma série de situações que contribuem para que ao final possamos dizer: tudo acontece quando a gente não está muito bem!
Sabe aquela velha história do dedinho do pé machucado, e ser só ele a bater várias vezes no dia em tudo que é ponta que aparece pela frente? Pois é... rs... mas a verdade atrás disso tudo é que de fato, nos outros dias também batemos... só que não percebemos, afinal, ele não está "machucado"! E damos uma atenção maior, justamente por este fato: como ele está machucado, obviamente, sentimos mais dor e nossa atenção passa a ficar concentrada nele...
Da mesma forma, prossegue-se com as outras situações da vida... Se algo não vai bem por si só, as demais coisas que aparentemente achamos que também estão indo mal, como ímã que vai atraindo não é muito bem assim. Geralmente, se alguma coisa vai mal, ela vai mal por ela mesma. Mas nós sempre procuramos acreditar que tudo está indo de mal a pior.
Não. Está mal, porque está mesmo!
E onde eu me encaixo nisso aí?
Vou parar pra ver a banda passar... rsrsrs... Se eu paro pra ver a grande onda de males que estão por vir, eu contribuo para que tais ondas se prolonguem.
Agora, se minha postura é ir de encontro aos problemas e fazer com que eles mudem, estou impondo uma ação e assim, contribuindo para que haja uma transformação.
Tudo depende da forma como vemos e vivemos a vida.
Não posso ser um mero espectador de minha própria vida, mas preciso fazer com que ela venha a acontecer. Se as coisas estão acontecendo de uma forma que não me agrada, tenho que agir de modo a tornar as situações agradáveis.
Isso é tão óbvio! Mas muitas vezes, o óbvio passa desapercebido, porque na verdade, ninguém ousa levantar questionamentos, afinal, é óbvio!
E assim, seguimos sendo tragados por informações, palavras, pensamentos, cobranças, circunstâncias, enfim... tudo aquilo que tenta desvirtuar o que realmente é.

1 comment:

Marcello de Oliveira said...

Shalom!

1. Uma alegria conhecer seu blog. Que o Eterno resplandeça o rosto Dele sobre ti.

Medite em Colossenses 3.16

Nele, Pr Marcello Oliveira

P.s> Visite: http://davarelohim.blogspot.com/

E veja o texto: EIRENE – O melhor da Vida